PAU DOS FERROS

ESTE BLOG VAI DESTACAR AS COISAS DA CIDADE DE PAU DOS FERROS E DOS MUNICÍPIOS LIMITROFES: ANTÔNIO MARTINS, ENCANTO, FRANCISCO DANTAS, MARCELINO VIEIRA, MARTINS, RAFAEL FERNANDES, SÃO FRANCISCO DO OESTE, SERRINHA DOS PINTOS (RN) E ERERÊ(CE) – STPM JOTA MARIA, JOTAEMESHON, JULLYETTH, JÚNIOR E JÚLIA – MOSSORÓ-RN

BLOGS DO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

sábado, 2 de dezembro de 2017

AGNELO PEIXOTO DE QUEIROZ



AGNELO PEIXOTO DE QUEIROZ nasceu aos 14 dias do mês de dezembro de 1896, em Pau dos Ferros, Estado do Rio Grande do Norte. Ele era o quarto filho de uma prole de sete do casal Francisco Assis de Queiroz Peixoto e Maria José do Espírito Santo. Era casado com Maria Diolinda do Nascimento, de cujo enlace matrimonial, em 1917, nasceram oito filhos (seis homens e duas mulheres).
Na vida profissional trabalhou na agropecuária de subsistência no sítio ‘Curral Velho’, de sua propriedade, que foi desapropriada no Regime Militar, na década de 70, juntamente com outras comunidades da região, para implantação do Perímetro Irrigado, cuja infraestrutura e operação só vieram a ser inauguradas, oficialmente, em 28 de outubro de 1987 pelo então Presidente da Republica, José Sarney, e o Governador do RN, Geraldo Melo.
Agnelo Peixoto de Queiroz também atuou no ramo do corte de carnes, denominado, na época, de ‘marchante’. O oficio de açougueiro foi levado adiante por alguns filhos, netos e bisnetos até os dias atuais.
‘Padrinho’, como era carinhosamente tratado por seus entes queridos, ao receber o pagamento da indenização das suas terras pelo Governo Federal, veio morar na sede do município de Pau dos Ferros, em 01 de março de 1975, na casa que adquiriu com os recursos financeiros, localizada na rua Napoleão Diógenes, 289, onde faleceu, aos 95 anos, em 11 de maio de 1991. Pouco tempo após sua passagem para o plano espiritual, os familiares venderam o imóvel para construção da Capela de São Judas Tadeu, padroeiro da comunidade.
Como cristão católico fervoroso, era uma assíduo freqüentador das missas, rezava várias vezes ao dia, inclusive na hora das refeições para agradecer a Deus pelo ‘pão de cada dia’, e ao deitar e se levantar para a labuta.
Há fortes indícios de que o apelido ‘Capote’ – como é conhecida a numerosa família pau-ferrense da qual é o patriarca – seja uma corruptela do nome próprio Agnelo que, pra época, era exótico, e seus contemporâneos, por não saberem pronunciar, passaram a chamar de ‘seu Guiné’ que, na região Nordeste, também é a ave capote e, certamente daí, ficou criada a alcunha. E para perpetuar a identificação, um trisneto dele foi registrado, em cartório, com o nome de Esaú Capote.
Pela sua contribuição com a vida social, econômica e do desenvolvimento de Pau dos Ferros, a Câmara de Vereadores, por meio da Lei 796/99, de 15 de outubro de 1999, prestou-lhe homenagem póstuma ao batizar uma rua no bairro Manoel Deodato com o seu nome.
FONTE – BLOG  DO CAPOTE

MINISTRO INAUGURA BIBLIOTECA E RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA NA UFERSA EM PAU DOS FERROS



 CRÉDITO DA FOTO: UFERSA MINISTRO E REITOR CONHECEM DEPENDÊNCIAS DA BIBLIOTECA DA UFERSA EM PAU DOS FERROS
O Ministério da Educação (MEC) inaugurou oficialmente nesta quinta, dia 30, a Biblioteca e a Residência Universitária do Campus da Ufersa em Pau dos Ferros. A entrega dos 2 prédios se deu com a presença do Ministro da Educação, Mendonça Filho, do Senador, José Agripino, e do Deputado Federal, Felipe Maia. O Reitor, o professor José de Arimatea de Matos, foi o anfitrião do encontro e acompanhou a comitiva de Brasília mostrando a qualidade dos novos prédios e a importância dos espaços para os alunos. O prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo, também acompanhou toda a inauguração.
Na Biblioteca, a comitiva do MEC visitou o acervo e algumas salas do prédio que passa a contar com cabines de estudos coletivos, individuais, sala de informática, multiteca e processamento técnico. Na sequência, o Ministro Mendonça, os parlamentares potiguares e o Reitor receberam uma comissão local que almeja a criação de um curso de Medicina em Pau dos Ferros. A comissão, presidida pelo professor Gilton Sampaio, entregou uma relatório às autoridades argumentando a necessidade de se ter uma escola médica na região. O projeto agora deve ser avaliado pelo MEC. Após a Biblioteca, a comitiva seguiu para a nova Residência Universitária do Campus. As autoridades conheceram a estrutura da copa, refeitório e os dormitórios. O Ministro Mendonça Filho aprovou o serviço e parabenizou pela qualidade da obra. Os parlamentares potiguares também aplaudiram os novos prédios da Ufersa Pau dos Ferros.
Depois da visita aos dois espaços, a Comitiva de Brasília deixou o Campus. Algumas pessoas aproveitaram o momento para fazer protestos que foram respeitados por toda a comitiva. Na sequência, as autoridades locais conduziram a solenidade de entrega oficial no Auditório da Ufersa na cidade. O Reitor, o Prefeito, a Pró-Reitora de Assuntos Estudantis da Ufersa, a professora Vânia Porto, o Superintendente de Infraestrutura da Universidade, Klayton Dantas, o Diretor do Campus, o professor Ricardo Paulo Fonseca, e a Engenheira Civil, Ana Raquel, fizeram o descerramento das duas placas e entregaram a chave da Residência de forma simbólica aos dois primeiros estudantes cadastrados para a moradia.
No discurso, o Prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo, enalteceu a importância das duas obras e reforçou o compromisso do município com as instituições de ensino da cidade. O Reitor José de Arimatea de Matos, agradeceu todo o esforço e trabalho da equipe técnica da Ufersa que se engajou na construção e em toda infraestrutura para deixar os espaços funcionando. O Reitor lembrou da qualidade da Ufersa na região falando que o curso de Engenharia Civil do campus obteve conceito 4 na avaliação do MEC. “Essa semana também tivemos a alegria de saber que subimos três posições no Ranking nacional do IGC. Saímos da 32ª para a 29ª posição entre as universidades do país e continuamos na liderança entre as instituições do interior do Norte Nordeste brasileiro. A Ufersa está de parabéns!”, comemorou o Reitor.
Paralelo ao agradecimento, o Reitor aproveitou a presença do Ministro Mendonça Filho para fazer novos pedidos ao MEC. O representante maior da Ufersa solicitou do Ministério a liberação dos 100% dos recursos de capital referentes ao orçamento de 2017. Investimento que vai possibilitar a conclusão do grande Laboratório das Engenharias da Ufersa Mossoró que hoje se encontra com quase 90% da obra finalizada. O Reitor Arimatea também pediu o empenho do Ministro junto a Secretaria do Governo para liberar o financeiro da Emenda de bancada de 2016. Com esses recursos, a Ufersa irá construir o Laboratório de Medicina em Mossoró e o Laboratório de Tecnologia da Informação de Pau dos Ferros.
BIBLIOTECA – A Biblioteca de Pau dos Ferros é um dos maiores prédios do campus e a maior Biblioteca construída no município. Ao todo a Ufersa realizou um investimento de mais de R$ 3 milhões incluindo a parte de equipamentos, mobília e acervo bibliográfico.
RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA – As duas Residências Universitárias da Ufersa Pau dos Ferros foram construídas dentro do próprio Campus com um investimento total de quase R$ 3 milhões. As moradias agora têm capacidade para abrigar 160 alunos, sendo 80 na ala masculina e 80 na feminina.
Fonte: Ufersa, via Jornal de Fato

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

PAU DOS FERROS IRÁ CONTAR COM EQUIPES PARA REMOÇÃO DE CORPOS.



O ITEP DE PAU DOS FERROS COMEÇOU A FUNCIONAR NO DIA PRIMEIRO DE DEZEMBRO DE 2017 (SEXTA FEIRA)
O Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) iniciou no dia 01 de dezembro de 2017 (sexta-feira) (1), a implantação do Instituto de Medicina Legal (IML) na cidade de Pau dos Ferros, na região Oeste do Estado. A princípio, o órgão irá contar apenas com equipes de remoção de corpos: que serão responsáveis por ir até o local, recolher o corpo e levar até a unidade regional de Mossoró. 
Segundo o diretor-geral do ITEP, Marcos Brandão, o início da operação do IML em Pau dos Ferros irá trazer enormes benefícios, tanto para o instituto, quanto à população. “A partir de agora teremos condições de realizar a liberação de corpos de forma mais rápida, pois iremos – em muitos casos – encurtar o tempo de deslocamento da equipe”, destaca Brandão.
Em Pau dos Ferros este serviço de remoção irá atender um total de 37 municípios, que representa uma população de aproximadamente 245 mil pessoas. Antes disso, essas cidades eram atendidas pela regional de Mossoró – que até então era responsável por 67 municípios – e agora irá atender apenas 30. 
O funcionamento da nova unidade regional de Pau dos Ferros irá acontecer gradativamente, primeiro com a operacionalização de todos os serviços do IML – que tem previsão de funcionar de forma integral, com a realização de necropsias em até 90 dias, e depois com o início e conclusão das obras de reforma do imóvel e chegada dos servidores aprovados no concurso público para provimento de cargos.
FONTE – SITE DO GOVERNO RN

domingo, 23 de julho de 2017

TV ALTO OESTE

Rua Carloto Távara; 854, São Benedito - Pau dos Ferros - A PRIMEIRA TV WEB DE PAU DOS FERROS E REGIÃO. Foi criada em 14 de março de 2015

PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS
COM 77 BLOGS E MAIS DE 2 MIL LINKS

Quem sou eu

Minha foto
LEVANDO O RIO GRANDE DO NORTE ATÉ VOCÊ E PARA O MUNDO - STPM JOTA MARIA - MOSSORÓ-RN, 4 DE FEVEREIRO DE 2014